Corte e Dobra

Corte e Dobra

 DESDE 1986 OFERECENDO PRODUTOS E SERVIÇOS COM EXCELÊNCIA NA QUALIDADE!

 

 

 

CORTE POR GUILHOTINA 

O processo de corte por Guilhotina também é um processo de cortes longitudinais totalmente a frio, onde cortamos materiais em Aço Carbono, Alumínio, Cobre, latão etc de 1mm até 12,7mm com o comprimento máximo de 3000mm;

Corte em Aço Inoxidável de 1,2mm até 6,35mm com o comprimento máximo de 3000mm.

Contamos com uma máquina Hidráulica que realiza cortes em série com “batidas” cronometradas e constantes, possui sistema de pistões que seguram as chapas antes do corte garantindo a segurança de nossos operadores e a precisão nos cortes.

Todo o manuseio de materiais é feito com ponte rolante que dispensa grandes trabalhos por parte de nossos operadores garantindo a segurança e a integridade dos materiais tanto em processo quanto no recebimento e expedição em nossa empresa.

Princípios do corte

O corte é um processo de fabricação em que uma ferramenta, com duas cunhas de corte, que se movem uma contra a outra, provoca a separação de um material por cisalhamento. Cisalhamento é a deformação que um corpo sofre devido à ação de forças cortantes opostas.

As cunhas de corte são também chamadas de faca ou punção e matriz.

O punção é pressionado contra o material e a matriz, de tal modo que para efetuar o corte é preciso aplicar certa força. A essa força se dá o nome de esforço de corte.

Durante o corte, quando o punção pressiona o material contra a matriz, aparecem inicialmente  no material,  deformações elásticas. Logo a seguir, surgem deformações plásticas em ambos os lados da chapa a ser cortada.

Em seguida, com a pressão contínua do punção contra a matriz, o material começa a trincar. Essas trincas de ruptura, ao se unirem, separam a peça da chapa. Uma característica do corte é que a separação de materiais acontece sem a formação de cavacos.

Um corte perfeito, sem rebarbas, é obtido quando as trincas, que se iniciam nos fios de corte, se encontram. Para que isso ocorra, é preciso haver uma folga adequada entre o punção e a matriz, conhecida como folga de corte.

Ela é calculada conforme o material a ser trabalhada, sua espessura e sua resistência à tração.

DOBRA DE CHAPAS

Processo que iniciou as atividades da empresa a 28 Anos e conquistou uma grande variedade de clientes que utilizam este tipo de processo.

Contamos em nossa empresa com três dobradeiras com capacidades e especialidades diferentes, desde pequenas peças onde é exigido trabalho “artesanal” e ajustes finos, até peças para grandes estruturas.

Nosso equipamento de maior precisão e capacidade é uma Dobradeira CNC com capacidade de 300 toneladas onde é possível dobrar Chapas de #12,7mm x 3000mm de comprimento, que possui sensores de presença que param o processo em caso de proximidade humana na área de risco onde seria passível de um acidente.

Estamos preparados e equipados para garantir qualidade e vários segmentos sempre com o máximo de segurança.

Características do Processo

A conformação de metais por dobramento tem substituído com vantagem alguns processos mecânicos como a utilização de chapas dobradas ao invés de perfis laminados.

São diversas as variações do processo, utilizado tanto para produzir geometrias funcionais como para aumento de rigidez de peças.

A dobra é um processo de fabricação em que uma ferramenta composta por um conjunto de duas ou mais peças exerce uma força sobre uma superfície, alterando-a.

A chapa, plana, é alterada, obtendo-se a mesma forma encontrada tanto no punção quanto na matriz. As operações de dobra são utilizadas para dar forma a peças e a perfis.

Palavras-chaves:
corte e dobra, corte e dobra de chapas, corte a frio, dobra sob medida, dobra de chapas, corte sob medida, chapa cortada e dobrada 

SOLICITE UM ORÇAMENTO!